THORK

Melhora da celulite mais durinha e fibrose de pós operatório imediato e tardio

O aparelho foi criado para tratamentos de cálculo renal e dores musculares de atletas. Com algumas sessões, pacientes notaram que além de atingir o objetivo inicial, fazia com que as celulites da região desaparecessem. Os pesquisadores perceberam que o método era uma excelente solução para problemas estéticos.

Ficou conhecido mundialmente por ser queridinhos das celebridades como Penélope Cruz e Madonna.

O Thork utiliza ondas de choque, que cria um efeito denominado cavitação instável. Nele, há geração de microbolhas que eliminam células de gordura, mobilizam líquidos, removem toxinas e fazem uma excelente neovascularização, melhorando a celulite fibrosada.

O tratamento também gera uma ativação do colágeno, pois estimula o processo de reparação dos tecidos, a irrigação e oxigenação local, promovendo a formação de novos vasos, incrementando a energia celular e melhorando a flacidez.

Dessa forma ele diminui drasticamente a celulite e a fibrose.

Ondas acústicas associadas às tecnologias de criolipólise e radiofrequência potencializam as melhorias e aceleram os resultados.

 

Ela pode ser utilizada tanto em celulites quanto no período pós-operatório recente ou tardio.

Não há contra-indicações e nem efeitos colaterais.

Antes e depois - Thork